Os 10 exércitos mais poderosos do mundo

1

1º. Estados Unidos
Efetivo: 1.414.000 soldados
Gasto militar anual: 329 bilhões de dólares (1.138 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

2º. Rússia
Efetivo: 988.100 soldados
Gasto militar anual: 48 bilhões de dólares (333 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

3º. China
Efetivo: 2.270.000 soldados
Gasto militar anual: 48 bilhões de dólares (37 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

4º. França
Efetivo: 260.400 soldados
Gasto militar anual: 38 bilhões de dólares (636 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

5º. Reino Unido
Efetivo: 210.400 soldados
Gasto militar anual: 35 bilhões de dólares (590 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

6º. Coréia do Norte
Efetivo: 1.082.000 soldados
Gasto militar anual: 4,7 bilhões de dólares (214 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

7º. Índia
Efetivo: 1.298.000 soldados
Gasto militar anual: 13 bilhões de dólares (13 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

8º. Paquistão
Efetivo: 620.000 soldados
Gasto militar anual: 2,5 bilhões de dólares (17 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

9º. Coréia do Sul
Efetivo: 686.000 soldados
Gasto militar anual: 12 bilhões de dólares (266 dólares por habitante)
Armas nucleares: não

10º. Israel
Efetivo: 161.500 soldados
Gasto militar anual: 9,4 bilhões de dólares (1.499 dólares por habitante)
Armas nucleares: sim

CADÊ O BRASIL?????????

Fonte: yahoo.com

Anúncios

Capitão ou Capitã?

10

Numa terça-feira sem ter o que fazer, aprisionado pelo tedio e a preguiça, começo a folhear a refista IstoÉ, entre tantas as noticias politicas de ladroagem corriqueiras, vejo uma que me chamou atenção, pela imoralização das forças armadas, já não é desconhecido que o nosso exercito, marinha e aeronautica estão ferrados, espero que não existam guerras senão estamos perdidos! o governo não investe mais, e eles que se virem, agora o máximo que fazem é aprender marchar para o 7 de setembro, o que me é muito triste, pois o militarismo sempre vi com bons olhos.

Leiam agora a noticia:

“A marinha do Brasil, está diante de um novo desafio, dificil porque inédito. Um de seus oficiais, comandante de batalhão na Escola Naval do Rio, requereu licença aos superiores para mudar de sexo. O pleito inclui permanecer na ativa, manter posto da chefia e preservar a patente de capitão-de-fragata. Como não há precedente do gênero nas forças Armadas, o caso esta causando rebuliço nos escalões superiores. Casado até o ano passado, o solicitante é pai de um adolescente.”

So existe uma expressão para isso, “puta que pariu!!!”
Analisemos o caso, como alguem respeitara alguem que luta contra a natureza para ser o que não é? E agora eles o chamarão de capitão ou capitã? puta merda esse cara merece uma surra, ele deve ter sido molestado la dentro e gostado! Viado FDP, voce acaba com a imagem, já nao boa das forças armadas. Como diria o Boris : Isto é uma vergonha!